(19) 4101-9494
comercial@revistafrigonews.com.br

China faz ameaça relacionada a análise sobre origem do vírus

Atualizado em 25 Agosto 2021
missing
Titulo:
Tamanho da fonte
pequena
normal
grande
Versão para impressão
imprimir
A China ameaça retaliar os que questionam se o coronavírus vazou de seus laboratórios. O aviso vem dias antes de o governo dos EUA divulgar as conclusões de uma investigação do serviço de inteligência a respeito das origens da pandemia.

“Continuaremos a cooperar com organizações internacionais como a OMS em suas pesquisas e sua busca pelas origens”, disse Fu Cong, diretor-geral do Departamento de Controle de Armas do Ministério de Relações Exteriores. “Mas nós não aceitamos acusações infundadas que são politicamente motivadas. E quem quiser acusar a China sem fundamento deve se preparar para aceitar o contra-ataque da China.”

Agências de inteligência dos EUA estão concluindo uma análise sobre as origens do coronavírus, encomendada pelo presidente Joe Biden no final de maio.

O pedido foi feito em resposta a questionamentos sobre a possibilidade de o coronavírus ter saído de laboratórios em Wuhan, deflagrando a pior pandemia em mais de um século.
A China negou diversas vezes que o vírus tenha vazado do Instituto de Virologia de Wuhan ou de qualquer outro laboratório do país e tem criticado a análise dos serviços de inteligência, argumentando que as agências dos EUA têm um histórico de conclusões erradas.

A assessora de imprensa da Casa Branca, Jen Psaki, disse a repórteres na terça-feira que o relatório provavelmente precisaria passar por mais alguns dias de revisão antes que uma versão sem informações confidenciais seja divulgada ao público.

Fu afirmou que, se os EUA continuarem levantando questões sobre seus laboratórios, então devem permitir uma investigação dos laboratórios em um complexo militar no estado de Maryland e na Universidade da Carolina do Norte.

O diretor-geral da Organização Mundial de Saúde, Tedros Adhanom Ghebreyesus, deveria fazer uma visita ao laboratório do Forte Detrick, em Maryland, segundo Fu.
O local “é conhecido como o centro das experiências mais sombrias do governo dos EUA”, disse Fu. “Preocupações graves são colocadas há muito tempo pela comunidade internacional, inclusive pelo público americano, sobre o Forte Detrick”.

Fonte Money Times

 

 

Opinião

O que você achou desta informação?

Deixe sua opinião, é importante para melhorarmos ainda mais.


 


Comentários

Faça parte da notícia, deixe seu comentário, expresse sua opinião.
E-mail protegido, também não gostamos de SPAM

Sua mensagem foi enviada com sucesso!

Peste suína na China causa disrupção no mercado de carnes e leva à disparada da BRF e JBS na bolsa

frigorifico-china-f7.jpg
18 Março 2019

O gigante asiático enfrenta um surto de peste suína africana, o que está impactando fortemente os frigoríficos do mundo todo – incluindo os Brasileiros