(19) 4101-9494
comercial@revistafrigonews.com.br

PROPOSTA PEDE FUSÃO DOS MINISTÉRIOS DA AGRICULTURA E DESENVOLVIMENTO AGRÁRIO


Criado: 08 Dezembro 2016 | Atualizado: 08 Dezembro 2016
Tamanho da fonte
pequena
normal
grande
Versão para impressão
imprimir
Uma proposta assinada por secretários estaduais de Agricultura e especialistas sugere a extinção das pastas da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa) e do Desenvolvimento Agrário

Uma proposta assinada por secretários estaduais de Agricultura e especialistas sugere a extinção das pastas da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa) e do Desenvolvimento Agrário (MDA) para a criação do “Ministério do Desenvolvimento Rural”. A iniciativa foi apresentada essa semana em reunião do Conselho Nacional dos Secretários de Estado de Agricultura (Conseagri) na ExpoZebu (Uberaba/MG). A fusão dos ministérios faz parte de um conjunto de 28 propostas alistadas em documento intitulado “A economia agropecuária brasileira – o que fazer?”. A carta aberta, dirigida a autoridades federais, é assinada pelos secretários Octaciano Neto (ES) e Arnaldo Jardim (SP). Também é endossada por especialistas, como os pesquisadores da Embrapa Zander Navarro e Eliseu Alves e os economistas Antônio Márcio Buainain e José Roberto Mendonça de Barros. “Nós estamos discorrendo sobre um conjunto de medidas para que, em curto prazo, a agropecuária possa ajudar o Brasil a sair dessa recessão, que acontece pelo segundo ano seguido. Entendemos que só a agropecuária conseguirá dar essa resposta rápida ao país, mas antes é preciso que as políticas públicas voltadas ao setor sejam concentradas, pensadas em conjunto, para que contemplem tanto a agricultura familiar como a empresarial, para que as obras de infraestrutura que irão fazer a diferença na vida dos trabalhadores sejam priorizadas, e para que outras demandas sejam atendidas”, afirma Octaciano Neto. As propostas foram organizadas em torno de quatro eixos estratégicos: – Fomentar o crescimento produtivo e ampliar o comércio global, assegurando assim que o setor possa manter seu indiscutível papel positivo na economia, sobretudo em um período de crise; – Fomentar os investimentos, desde aqueles em torno das cadeias produtivas, incluindo a recuperação do setor de bioenergia, ou então aqueles destinados à infraestrutura logística; – Mitigar tensões sociais no campo, a partir de uma forte estratégia de debates públicos com as diversas organizações e os atores sociais envolvidos; – Liderar a elaboração de uma estratégia de desenvolvimento rural para o Brasil, a qual possa ser posta efetivamente em execução a partir de 2017-2018. *Fonte: Agrolink


O que você achou desta informação?

Avaliação

Deixe sua avaliação
PROPOSTA PEDE FUSÃO DOS MINISTÉRIOS DA AGRICULTURA E DESENVOLVIMENTO AGRÁRIO
Comentários
0
Deixe seu comentário

Comentários

Faça parte da notícia, deixe seu comentário, expresse sua opinião.
E-mail protegido, também não gostamos de SPAM
Sua mensagem foi enviada com sucesso!

WhatsApp